Nesse mais de um ano sem postar por aqui, muitas coisas rolaram. Aqui em Fortaleza, tive uma fantástica experiência trabalhando no Grupo 3corações e, mais recentemente, comecei a dar aulas de Web Design e Meios Digitais nos cursos de Publicidade e Design, da FANOR, além de Edição Digital de Imagens no curso técnico em Animação para Jogos Eletrônicos, do novíssimo Porto Iracema das Artes. Portanto, estou aproveitando para atualizar meu perfil no Slideshare com a maioria das apresentações de minhas aulas. Aí em cima é o exemplo de uma delas! Enjoy!

Deutschland verstehen, novo livro da editora Gestalten que explora a Alemanha em belos infográficos. Uma pena que só esteja disponível em alemão.

Nova interface leva o Steam para a TV

Esse é o Big Picture, parte crucial da estratégia da Valve em aproximar ainda mais o mercado de games de computadores com o de consoles. Na teoria, trata-se simplesmente de uma interface de uso para o Steam pensada e desenvolvida para ser usada na TV, mas na prática é muito mais do que isso.

Não é novidade que você possa ligar o seu computador em uma TV de alta definição apenas usando um cabo HDMI, mas você ainda lida com uma série de limitações, principalmente pelo fato das interfaces de Windows ou Mac OS não terem sido pensadas para serem usadas com um gamepad, como nos consoles, e muito menos com o usuário sentado no sofá, ao invés de uma cadeira de escritório qualquer. Daí, você é usuário do Steam, já tem toda sua biblioteca de jogos comprados pelo sistema para usar no seu computador, clica em um botão e, PIMBA, a interface se expande e se transforma para ser melhor apreciada e manipulada em uma televisão de alta definição. É como se você instalasse uma dashboard do PS3 ou XBox 360 dentro de seu próprio computador, entende? E aí você pode rodar jogos, aplicativos e até mesmo acessar a internet usando o controle (sem precisar instalar softwares de configurações ultra complicadas). Se isso é um sinal de que a Valve um dia vai desenvolver uma espécie de console para rodar seu sistema, só o tempo dirá… mas é um grande passo para vermos cada vez mais notebooks ou cpu’s ligadas diretamente em uma televisão.

Apresentação que fiz para a Associação Ceará Design, no evento Café com Design do dia 11/08/2012, e onde procuro passar algumas dicas para estudantes ou profissionais que estejam interessados em fazer um curso de pós-graduação fora do Brasil, com base na minha experiencia estudando na Espanha.

Curta de Diego Akel onde ele faz uma interpretação gráfica e animada de alguns elementos e padrões visuais da alameda Maria da Glória (que dá título ao filme) em Fortaleza, Ceará. A trilha é de Marina Mapurunga numa interpretação da música popular “Se a rua fosse minha”.

This is the extraordinary thing about creativity: If just you keep your mind resting against the subject in a friendly but persistent way, sooner or later you will get a reward from your unconscious. John Cleese, via Brain Pickings.

Design the New Business, curta-documentário (completo e legendado) que mostra como o design vem mudando a forma de ver e fazer negócios. Produzido pela agência holandesa de consultoria criativa Zilver Brand Driven Innovation.

Incrível timelapse, feito por Jeff Desom, montado só com cenas do clássico Janela Indiscreta (1954), de Alfred Hitchcock.

Paper, aplicativo gratuito para iPad produzido pela startup FiftyThree, (de ex-funcionários da Microsoft), onde se pode anotar idéias como textos, rascunhos, diagramas… dos esboços mais simples a desenhos um pouco mais complexos, tudo organizado em cadernos virtuais semelhantes a Moleskines. Show de interface!

Art in the era of internet, parte da web-série Off Book da PBS Arts, é um curta-documentário que mostra os impactos, benefícios e alternativas que os projetos Kickstarter, Creative Commons e Creators Projects geraram para a arte e cultura em geral.